segunda-feira

E durante a terapia

...

- Ando muito sozinho!
- Por quê?
- Penso que as pessoas não gostam de estar perto de mim.
- Por quê você pensa assim?
- Às vezes eu percebo que elas se afastam.
- Como você percebe?
- Quando vou conversar com elas!
- O que acontece quando vai conversar com elas?
- Elas tentam matar a conversa rapidamente!
- Sobre o que você conversa com as pessoas?
- Geralmente digo que ando muito sozinho!
- E o que elas dizem?
- Perguntam o porquê!
- E o que você responde?
- Digo que penso que as pessoas não gostam de estar perto de mim.
- E o que elas dizem?
- Por quê você pensa assim?
- E o que você diz?
- Digo que às vezes percebo que elas se afastam!
- E aí?...
- E aí as pessoas perguntam como eu percebo!
- E o que você diz?
- Que percebo quando vou conversar com elas!
- Continue...
- Aí a pessoa pergunta sobre o que converso com as outras pessoas!
- E o que você diz?
- Geralmente digo que ando muito sozinho!
-
-
-

6 comentários:

Ma. disse...

Hahaha, gostei muito do post... Se ele continuar desse jeito, até o psiquiatra desiste do caso...

Vou colocar o seu blog nos favoritos, gostei bastante dos posts também...
*;

Estela disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Estela disse...

Adoreiiiiiiii esse texto!
criatividade mil, hein...
amanhã, quando for postar no meu fotolog, postarei esse texto, com os devidos créditos, LÓGICO hahaha


Beijão

Fernando disse...

Vc conseguiu me fazer rir......huahuahuahua
.....................

GUI disse...

Ro parabens... belissímo testo melodramático sentimentalista...
meu parabens vc soube conduzir vosso trabalho com enorme galhardia! lindo texto...
um bjão ai do seu brother!!!
Guiiii!!!!!!

Calamidade Múltipla disse...

Muito bom!
Texto muito inteligênte. Achei muito bacana porque tem fluência, tipo, início, meio e fim.
Adorei!
=o]